Independentemente do tamanho da sua empresa e de sua área de atuação, investir na gestão da marca é essencial para tornar seu negócio mais conhecido e fortalecer sua imagem diante do consumidor.

Pensar e planejar todos os detalhes do logotipo de sua empresa, escolher um tipo de letra adequado e definir o que as cores serão para representá-lo não é tão simples quanto parece, e ignorar esses detalhes pode custar caro em um futuro próximo.

Para ajudar você a fazer um gerenciamento de marca de qualidade e não desperdiçar dinheiro com uma renovação de identidade, criamos este post com 5 erros que devem ser evitados ao criar sua imagem. Verifique!

1. Não prestar atenção à identidade visual

Em um mercado extremamente competitivo, o investimento em uma marca criada por um profissional treinado tornou-se obrigatório. No entanto, muitos empresários acabam optando por um serviço amador por razões financeiras.

Ao optar por um profissional treinado, você estuda sua marca, compreende sua cultura organizacional e, com todos esses resultados, desenvolve uma marca que representa os ideais da empresa e tem força no mercado.

Antes de investir em identidade visual, consulte uma empresa especializada para identificar se o nome escolhido para a marca está disponível para registro, isso impedirá que você invista dinheiro em uma marca que nunca será sua. Após certificar a viabilidade do nome e criar a identidade visual, não se esqueça de registrar a marca, somente o proprietário é quem se registra e assim você protege seu investimento.

2. Não ter um manual de identidade

O manual de identidade consiste em um documento que descreve todas as regras para o uso de sua marca, levando em consideração os diferentes tipos de materiais e cores de aplicação.

Este manual padroniza todos os seus documentos e papelaria, criando uma forte comunicação, que passa uma mensagem de forma unificada e auxilia na configuração da marca da sua empresa, facilitando o reconhecimento por seus clientes e demais públicos.

3. Não unificar o discurso nas diferentes plataformas

Sua empresa não pode, de forma alguma, se posicionar de uma forma em seu ambiente interno, outra em seu ambiente externo e em uma terceira via no ambiente digital. O alinhamento desses discursos é fundamental para demonstrar a solidez da empresa, explicando seus valores de forma consistente.

É importante que o empreendedor entenda que os canais de comunicação são diferentes e exigem um tipo específico de linguagem, mas a mensagem e o posicionamento da empresa devem ser os mesmos em todos eles.

4. Não usar marketing de conteúdo

Hoje em dia, o marketing de conteúdo é tão essencial quanto o marketing offline. É essencial que a sua empresa desenvolva essa atividade, pois é através dela que você poderá atrair mais pessoas para o seu site, estabelecendo um relacionamento duradouro e convertendo-as em novos clientes.

Além de atrair usuários, o marketing de conteúdo ajuda o seu site a ser melhor classificado por sistemas de pesquisa, como o Google e o Bing. Aparecer entre as primeiras páginas de resultados, sem ter que pagar por isso, é o que todos os empresários devem procurar!

5. Não falar com seus clientes

Você acreditaria na adequação de uma empresa que ignora quando um cliente faz contato? Infelizmente, isso é algo que acontece com muita frequência. Se você quer estar no Facebook ou em qualquer outra mídia social, certifique-se de que terá que interagir com seus clientes, afinal de contas, que curtam sua página e se identifiquem com sua marca.

Agora que você conhece um pouco mais sobre gerenciamento de marca, é mais fácil evitar esses erros e estar mais perto do sucesso! Se você gostou dessas dicas, corte nossa página no Facebook e siga nossas anotações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *